América do Norte, Califórnia, Estados Unidos

PACIFIC CREST TRAIL #18 e JOHN MUIR TRAIL – Devils Postpile (907 mi) a Vermilion Valley Resort (879 mi)

Em 2019 decidimos caminhar um pedacinho da Pacific Crest Trail, uma longa trilha de 4200 km, que percorre a costa oeste norte-americana, e vai do México ao Canadá. Esta trilha ficou popular após ser retratada no filme “Wild”.

O resumo desta caminhada está descrito no post principal “Pacific Crest Trail – nosso pedacinho deste longo caminho“.

Neste relato segue nossa caminhada, pelo centro da Califórnia na Sierra Nevada, sentido Sul, de Devils Postpile National Monument até Vemilion Valley Resort, caminhando por John Muir Trail, Inyo National Forest e Sierra National Forest.

John Muir Trail é uma das trilhas mais famosas dos Estados Unidos, com 340 km passando por 2 florestas nacionais (Inyo e Sierra) e 3 parques nacionais (Yosemite, Kings Canyon e Sequoia).

Boa parte da JMT se sobrepõe à Pacific Crest Trail, o que nos possibilitou conhecer quase 300 km dela. Neste trecho, relatamos 56 km desta magnífica trilha.

Se quiser assistir como foi a trilha, veja o vídeo em nosso canal do YouTube:

Resumo da caminhada

  • País: Estados Unidos
  • Estado: Califórnia
  • Cidade próxima: Mammoth Lakes
  • Início: Devils Postpile National Monument
  • Fim: Vermilion Valley Resort
  • Distância: 56 km
  • Duração: 3 dias
  • Período: meados de setembro de 2019

Como chegamos

Estávamos em Mammoth Lakes, quando terminamos nosso décimo sétimo trecho da Pacific Crest Trail. E em meados de setembro não havia mais ônibus para nos levar até Devils Postpile National Monument, onde retomaríamos a trilha. Então nos restou o melhor e mais usado meio de transporte da PCT: a infalível carona.

Caminhamos uns 2 km até a avenida que nos levaria para nosso destino. Rapidamente conseguimos uma carona até um lodge, ainda em Mammoth Lakes, onde funciona um teleférico, e vários turistas transitavam por lá. O teleférico ficava no meio do caminho até onde queríamos chegar. Em frente dele ficamos tentando mais uma carona. Já eram umas 16 horas, e nenhum carro estava se dirigindo para nosso destino. Mas como um milagre, um casal parou o carro e nos levou para Devils Postpile. Acho que ficaram com pena, pois eles desviaram seu caminho somente para nos levar. Ainda bem…

Clique aqui para voltar ao início do post.

Abastecimento

Início do trecho – Mammoth Lakes

Mammoth Lakes é uma cidade com boa infraestrutura: restaurantes, hotéis, mercado, loja de equipamentos, hospital e dentista. Ficamos hospedados em dois hotéis: Motel 6 e Shilo Inns. Ambos com preços parecidos, mas o Shilo Inn tem um bom café-da-manhã e um quarto bem superior. Também há a opção de camping próximo aos hotéis.

Final do trecho – Vermilion Valley Resort

O final deste trecho foi no Vermilion Valley Resort, um resort distante aproximadamente 10 km da PCT. É possível fazer a maior parte destes 10 km por uma lancha, pagando USD 23 ida-e-volta, ou caminhando por uma trilha paralela ao lago Thomas A Edison. Nós fomos caminhando. No resort é possível acampar gratuitamente, tomar uma ducha quente por USD 7, lavar e secar suas roupas por mais USD 7, comprar comida na loja, jantar no restaurante, ganhar uma cerveja e aproveitar a comida deixada para trás no hiker-box. Nós conseguimos vários jantares liofilizados grátis no hiker-box. Com certeza foram deixados pelos JMT hikers. PCT hiker vive à base de miojo e purê de batatas instantâneo.

Clique aqui para voltar ao início do post.

Roteiro

Caminhamos em 2 noites e 3 dias, totalizando 105 dias na Pacific Crest Trail, como segue:

  1. 907 mi (Devils Postpile National Monument) a 896 mi (Duck Lake Trail)
  2. 896 mi (Duck Lake Trail) a 885 mi (Silver Pass)
  3. 885 mi (Silver Pass) a 879 mi (Vermilion Valley Resort)

Abaixo, segue mapa com os pontos azuis onde dormimos:

Clique aqui para voltar ao início do post.

Dia 1: 907 mi (Devils Postpile National Monument) a 896 mi (Duck Lake Trail)

Total
Passamos por
18 km
John Muir Wilderness
Ansel Adams Wilderness
Inyo National Forest
Sierra National Forest

Acordamos na manhã mais gelada de nossa Pacific Crest Trail até o momento. A barraca condensou e Ramon deu uma secada com um mini-pano que carregamos. Deixamos o pano em cima da mesa que havia no Campground, e ele começou a congelar quase que imediatamente. Sem dúvidas, estava muitoooo frio.

Saímos do Campground e começamos uma subida que iria terminar somente no próximo dia. Neste dia subimos cerca de 800 metros. Mas foi um dia monótono, caminhando dentro do bosque, cercados de árvores, sem lagos e com pouquíssimas oportunidades de paisagem. Ficamos até um pouco decepcionados, pois achávamos que todos os dias na John Muir Trail seriam sensacionais.

John Muir Trail

Acampamos ao lado de um riacho, próximos à trilha que vai ao Duck Lake, juntos com mais umas 5 barracas.

Clique aqui para voltar ao início do post.

Dia 2: 896 mi (Duck Lake Trail) a 885 mi (Silver Pass)

Total
Passamos por
18 km
John Muir Wilderness
Sierra National Forest

Manhã fria, mas menos fria que a anterior. Mesmo assim começamos nossa caminhada vestindo blusas. Paisagens nos acompanharam no início do dia até o Purple Lake.

Purple Lake

Depois do Purple Lake veio outro lago, o magnífico Virginia Lake. Um grande lago, com um enorme gramado na frente, e montanhas rochosas com toque de neve atrás. O dia também ajudou, céu azul sem nenhuma nuvem no céu. Um dos mais belos lagos que vi por aqui. Deu até vontade de parar por ali e montar acampamento. Mas ainda era muito cedo e seguimos.

Virginia Lake

Encontramos o Silver Creek, que o cruzamos duas vezes. No primeiro cruzamento havia uma ponte e no segundo, pedras para saltarmos. No início da temporada esse rio tem uma travessia difícil, mas em meados de setembro, mais parecia um córrego.

Depois do Silver Creek, começamos uma forte subida até o Silver Pass. A subida foi cansativa, mas a paisagem compensou tudo. Muita montanha rochosa, pedras, lagos e poucas árvores. Quanto mais subíamos, mais bonito ficava.

Silver Pass

O cansaço também foi aumentando. Nosso objetivo era acamparmos depois do passo de montanha. Mas devido minha lerdeza do dia, decidimos parar às 17 horas, quando passávamos ao lado de um pequeno lago sem nome, um pouco antes do Silver Pass Lake. Valeu a pena. Dia de caminhada lindíssimo.

acampando na John Muir Trail

Clique aqui para voltar ao início do post.

Dia 3: 885 mi (Silver Pass) a 879 mi (Vermilion Valley Resort)

Total
Passamos por
21 km
John Muir Wilderness
Sierra National Forest

Continuamos caminhando pelo Silver Pass e logo chegamos no Silver Pass Lake, outro excelente e belo lugar para acampar.

Silver Pass Lake

Depois foi só descida, acompanhando e cruzando algumas vezes o Silver Pass Creek.

Deixamos o Silver Pass Creek para trás e começamos a acompanhar outro rio, o Mono Creek. Fomos até a intersecção que levava para o Vermilion Valley Resort, para onde iríamos.

Saímos da John Muir Trail e Pacific Crest Trail e seguimos, por aproximadamente 10 km, margeando o Thomas A Edison Lake até o Vermilion Valley Resort. Também é possível fazer este trajeto até o VVR por lancha, pagando USD 23 pelo traslado.

Thomas A Edison Lake

Acampamos no resort, pegamos algumas comidas free no hiker box, e aproveitamos para tomar um banho quente e lavar nossas roupas. O único defeito do Vermilion Valley Resort foi o barulho dos hikers conversando à noite em volta da fogueira.

Clique aqui para voltar ao início do post.

Dicas

  • Dicas gerais da Pacific Crest Trail estão no post principal “Pacific Crest Trail – nosso pedacinho deste longo caminho“.
  • Nossas roupas de frio só foram necessárias na High Sierra, quando a Sierra Nevada atinge altitudes superiores a 3000 metros. Planeje seu vestiário de frio entre Kennedy Meadows General Store, no Sul, até Kennedy Meadows North .
  • Caminhamos por Sierra Nevada no mês de setembro, quando praticamente toda a neve havia derretido e o volume de água nos rios estava bem baixo. Pense na possibilidade de deixar a Sierra Nevada por último, caso o nível de neve ou água esteja muito alto. A caminhada será bem mais agradável.
  • Um modo de economizar a caminhada até o Vermilion Valley Resort é pagar a balsa que sai ao lado da PCT, no lago Thomas A Edison. O barco passa de manhã e no final da tarde. Confira os horários no site do resort ou no aplicativo da PCT/JMT.

Clique aqui para voltar ao início do post.

Custos

Seguem alguns custos em dólares americanos (USD) e equivalentes em reais (BRL), conforme o câmbio que fizemos.

  • Motel 6, hospedagem em Mammoth Lakes, diária casal com café da manhã: $USD 103 ($BRL 406)
  • Lanche, combo em Carls Junior, em Mammoth Lakes: $USD 12 ($BRL 46)
  • Mercado Grocery Outlet em Mammoth Lakes, comida para trilha, média diária individual: $USD 4 ($BRL 17)
  • Chuveiro com toalhas, em Vermilion Valley Resort, individual: $USD 7 ($BRL 28)
  • Lavanderia, lavagem e secagem de roupas, em Vermilion Valley Resort, individual: $USD 7 ($BRL 28)

Cotação comercial em 13/9/2019:
$USD 1,00 = $BRL 4,06
Clique aqui para voltar ao início do post.

Dados sabáticos

4430 km trilhados
84 cidades
5 países
2 anos e 3 meses

Clique aqui para voltar ao início do post.

Quer mais?

Nós, Paula Yamamura e Ramon Quevedo, estamos curtindo uma vida sabática desde 2017, focando no que mais gostamos de fazer: viajar trilhando.

Nos acompanhe também em:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.