Parque Nacional Nahuel Huapi (Bariloche, Argentina)
Argentina

BARILOCHE – conhecendo Parque Nacional Nahuel Huapi

San Carlos de Bariloche, conhecida simplesmente como Bariloche, é muito conhecida dos brasileiros pelo ski. Nós também fomos conhecer o centro de ski, mas no verão. Esquiamos? Não…

O centro de ski em Bariloche fica dentro do Parque Nacional Nahuel Huapi, no noroeste da Patagônia e nosso objetivo era explorarmos o parque somente andando.

Mapa Parque Nacional Nahuel Huapi
Mapa Parque Nacional Nahuel Huapi (fonte http://www.nahuelhuapi.gov.ar)

Abaixo segue o roteiro que fizemos nesta primeira etapa da viagem:

COMO CHEGAMOS

Pousamos no aeroporto de Bariloche e de lá pegamos um táxi direto ao centro de Ski Catedral Alta Patagônia. Chegamos no sábado à noite e dormimos em um hotel.

CAM00569
Em frente ao hotel que ficamos e ao fundo o teleférico que pegamos para subir o Cerro Catedral (Parque Nacional Nahuel Huapi)

O objetivo era acordar de manhã e já irmos para nossa trilha. Mas nos demos mal. Não encontramos no domingo nenhum lugar por perto, para comprar gás para nosso fogareiro. Lei de Murphy… tivemos que pegar um ônibus até a cidade, procurar o gás e voltar para o centro de ski. Tempo perdido.

DIA 1 – restaurante Punta Princesa até Laguna Schmoll pelo Cresteo Cerro Catedral

Estava no verão, mas ainda bem que o teleférico estava funcionando. Não que nós sejamos preguiçosos, mas eu mal pressentia como seriam meus próximos dias…

O teleférico nos deixou no restaurante Punta Princesa no Cerro Cateral. Ligamos nosso GPS e às 16h10 iniciamos tardiamente nossa jornada.

Cresteo Cerro Catedral no Parque Nacional Nahuel Huapi (Bariloche, Argentina)
Cresteo Cerro Catedral no Parque Nacional Nahuel Huapi (Bariloche, Argentina)

Andamos pelo Cresteo Cerro Catedral até a Laguna Schmoll, onde acampamos. Como começamos a trilha tarde e estávamos cansados, paramos no primeiro lugar viável que encontramos.

Eu estava bem cansada, o primeiro dia de trekking sempre é mais dolorido e era só olhar uma descida, que meu joelho já começava a chorar. Mal sabia que nesse dia reclamei da descida à toa.

Elevação do primeiro dia no Parque Nacional Nahuel Huapi (Argentina)
Elevação do primeiro dia no Parque Nacional Nahuel Huapi (Argentina)

Números do trecho 1:

  • Total percorrido: 5,1 km
  • Tempo: 4 horas (ando bem devagarzinho)
  • Pontos de água: vários
  • Elevação: subimos 341 metros e descemos 349 metros
  • Altitude máxima: 2068 metros
  • Dificuldade: moderada, principalmente pelo solo irregular 

DIA 2 – Laguna Schmoll até Camping del Rucaco pela Hacia Jacob

No dia seguinte descansamos um pouco e iniciamos a caminhada quase meio-dia.

Para mim foi um dia cruel. Especialmente um pedaço da trilha que o pessoal deslizava como se fossem bailarinos. Eu faltei nessa aula de balé. Era uma descida com um terreno lotado de minúsculas pedrinhas que conforme a pisada, todas as pedrinhas abaixo do seu pé rolavam para baixo, e seu pé ia junto. Acho que demorei uma hora nesse pedaço, onde a galera levava 10 minutos.

Saíam lágrimas dos meus joelhos. Descemos o dia inteiro rumo ao Camping del Rucaco que ficava em uma floresta.

Argentina - BARILOCHE - dia 2
Elevação do segundo dia no Parque Nacional Nahuel Huapi (Argentina)

Nesse dia eu tive uma certeza, o solo do Parque era horrível, formado basicamente por pedras, pedras grandes, pedras pequenas, pedras gigantes, pedras minúsculas, todas misturadas ao acaso.  Todas pedras.

Parque Nacional Nahuel Huapi (Bariloche, Argentina)
Parque Nacional Nahuel Huapi (Bariloche, Argentina)
No meio do caminho tinha uma pedra
tinha uma pedra no meio do caminho
tinha uma pedra
no meio do caminho tinha uma pedra.
Nunca me esquecerei desse acontecimento
na vida de minhas retinas tão fatigadas.
Nunca me esquecerei que no meio do caminho
tinha uma pedra
tinha uma pedra no meio do caminho
no meio do caminho tinha uma pedra.
Carlos Drummond de Andrade

E fomos descendo rumo à floresta onde está o Camping del Rucaco.

Indo para o Camping del Rucaco (Parque Nacional Nahuel Huapi)
Indo para o Camping del Rucaco (Parque Nacional Nahuel Huapi)

Depois de tanto desce-desce, chegamos no acampamento por volta das 16h30min. No acampamento tem um riacho, tornando-o bem confortável.

Riacho no Camping (Parque Nacional Nahuel Huapi)
Riacho no Camping del Rucaco (Parque Nacional Nahuel Huapi)

Números do trecho 2:

  • Total percorrido: 3,4 km
  • Tempo: 4h40min (neste dia me rastejei)
  • Pontos de água: vários
  • Elevação: subimos 228 metros e descemos 613 metros
  • Altitude máxima: 2047 metros
  • Dificuldade: moderada, principalmente pelo solo irregular 

DIA 3 – Camping del Rucaco até Refúgio-Laguna Jacob

Esse dia foi um dia para subir e descer.

Elevação do terceiro trecho no Parque Nacional Nahuel Huapi (Argentina)
Elevação do terceiro trecho no Parque Nacional Nahuel Huapi (Argentina)

Subindo:

Subindo a trilha Laguna Jacob - Rucaco (Parque Nacional Nahuel Huapi)
Subindo a trilha Laguna Jacob – Rucaco (Parque Nacional Nahuel Huapi)

No topo, com mais pedras:

No topo da trilha Laguna Jacob - Rucaco (Parque Nacional Nahuel Huapi)
No topo da trilha Laguna Jacob – Rucaco (Parque Nacional Nahuel Huapi)

E descendo até a Laguna Jacob onde há refugio e camping:

Números do trecho 3:

  • Total percorrido: 4,6 km
  • Tempo: 3h20min (devagar e sempre)
  • Pontos de água: vários
  • Elevação: subimos 517 metros e descemos 496 metros
  • Altitude máxima: 1944 metros
  • Dificuldade: moderada, principalmente pelo solo irregular 

DIAS 4 e 5 – Refúgio Jacob, Laguna de los Tempano, trilha Casa de Piedra, até Fazenda Tambo Baez

Saímos do refúgio Jacob, fomos apreciar a Laguna de los Tempano e voltamos na mesma trilha, passando novamente no refúgio e seguimos até a fazenda Tambo Baez, pela trilha Casa de Piedra. Fizemos esse trajeto em dois dias.

E foram mais dois dias de tortura para meus joelhos. Vejam a descida:

Argentina - BARILOCHE - dia 4 - Refúgio Jacob, Laguna de los Tempano, fazenda Tambo Baez
Elevação dos dias 4 e 5 no Parque Nacional Nahuel Huapi (Argentina)

Por volta do 10° km deste trecho, tivemos a companhia de um riacho no nosso lado esquerdo, que nos acompanhou até quase o final da trilha.

Trilha Casa de Piedra (Parque Nacional Nahuel Huapi)
Trilha Casa de Piedra (Parque Nacional Nahuel Huapi)

Seguimos todo o tempo pela trilha Casa de Piedra, paramos para dormir por volta do 12° km e terminamos nossa travessia no dia seguinte.

Decidi juntar os dois dias em somente um trecho, pois para os fortes, é possível fazê-lo de uma vez.

Números do último trecho:

  • Total percorrido: 18,9 km
  • Tempo: 8h20min (em 2 dias)
  • Pontos de água: vários
  • Elevação: subimos 864 metros e descemos 1537 metros
  • Altitude máxima: 1668 metros
  • Dificuldade: moderada, principalmente pelo solo irregular 

RESUMO TRAVESSIA

  • Aeroporto mais próximo: Bariloche
  • Início: restaurante Punta Princesa em Cerro Catedral
  • Fim: fazenda Tambo Baez
  • Distância: 32 km
  • Duração: 5 dias
  • Pontos de água: vários
  • Elevação: subimos 1952 metros e descemos 2996 metros
  • Altitude máxima: 2068 metros
  • Dificuldade: pesada 

Somando 5 dias de trekking moderado, com muito sobe e desce, muita pedra no caminho e minha artrose, considerei essa travessia toda como pesada, que foi recompensada pelas belas paisagens.

E para quem quer iniciar em travessias, vá até o Pico da Onça, localizado em São Francisco Xavier (SP). É uma travessia de 2 dias e bem mais leve.

DICAS E LINK

Dicas:

  • Caso você inicie sua trilha no domingo e na baixa temporada, compre o gás para o fogareiro com antecedência, pois no centro do ski você terá dificuldades de encontrar.
  • Não é necessário carregar muita água, somente o que você irá beber no momento. Tem bastante pontos de água no percurso.
  • Na maior parte da trilha não tem proteção contra o sol. Proteja-se.
  • Recomendo o uso de GPS.

Link útil:

http://www.nahuelhuapi.gov.ar/index.html

Anúncios

19 comentários em “BARILOCHE – conhecendo Parque Nacional Nahuel Huapi”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s